After Action Report Medieval 2: Veneza – Parte 3

[Medieval 2. Veneza. H/VH] – Parte 3

1) Conquista de Nicósia; Cruzada e Conquista de Nicaea

Cristiano Selvo, um dos filhos do falecido Doge Domenico era governador de Iraklion. Juntou várias milícias italianas e foi a conquista do castelo de Rhodes. Por lá ficou governando e modernizando o lugar. Depois de bastante tempo, já com alguma força considerável e tropas modernizadas, ele junta alguns Sargeant Spearmen e cavalarias para atacar o Chipre, de domínio bizantino, mais precisamente o castelo de Nicósia. A vitória foi fácil.

Como Veneza estava em importantes batalhas contra os católicos no norte da Itália, o papa precisava saber que nós eramos fiéis a Deus e ao Estado Papal. Como Nicósia não tinha importância, ainda, para a República, foi preferível doa-la ao Papa, que agora está às portas do Oriente Médio.

Como as relações depois dessa doação ficaram perfeitas, Veneza abre cruzada contra a cidade de Antióquia. A intenção dessa cruzada era juntar exércitos poderosos para acabar com os bizantinos no norte da Turquia. Cristiano Selvo sai do Chipre e parte em direção a cidade de Nicaea. Chegando lá ele contrata alguns peregrinos fanáticos para o seu exército e algumas tropas italianas de Constantinopla o dão suporte também.

A cidade de Nicaea foi conquistada e o Imperador dos bizantinos morto, juntamente com outro general. A cidade foi saqueada.

Um dos séquitos de Cristiano Selvo nessa empreitada é Gerard de Ridefort, um importante general cruzado que lhe atribuiu bastante pontos importantes na batalha.
A França e o Sacro Império Romano também aderem a cruzada.

2) Oligarquia Veneziana: a família Selvo

Veneza é dominada totalmente pela família Selvo. O filho do falecido Doge Domenico agora é Doge Bartolomeo, e seu filho é Councillor Banasuto. Alguns da família são apenas governadores em cidades da Grécia e Itália e outros são generais que se envolvem nas mais diversas batalhas do front italiano. Apesar de uma oligarquia, essa família faz a República se estender para a glória.

3) Milão Excomungada

Depois de perder Milão e Genoa, o papa pediu para que eu parasse de atacá-los, caso contrário eu seria excomungado. Bem, a minha intenção era pegar apenas Dijon e os destruir por completo, mas não fiz. Entretanto Milão insistiu e bloqueou o porto de Florença por várias vezes, até serem finalmente excomungados. Agora perderam o respeito para com toda a comunidade católica e será aniquilada por mim ou pela França a qualquer momento.

4) Egípcios conquistam Baghdad

A jihad dos egípcios em Baghdad foi um sucesso. Não se sabe se eles irão conseguir consolidar mesmo o poder.

5) Conquista de Bologna. (http://imgur.com/a/7iVgu)

O Sacro Império Romano estava com a reputação de “muito desonesto” e de fato fizeram valer esse título. Depois de me oferecem direitos de comércio e informações de seu mapa, eles bloqueiam meu porto em Veneza, mais uma vez. Porém os putos não tinham coragem de tirar o contingente de Bologna e atacar qualquer uma das cidades, pois eles sabiam que as costas iriam estar desprotegidas e acabariam perdendo de qualquer jeito. A batalha de Bologna, entretanto, foi bastante sangrenta e teve de ser usado um enorme contingente de tropas italianas para atingir a vitória. Participou dessa batalha também o Councillor Benasuto.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s